Prevenir e aliviar cólicas do bebé – 9 dicas para ter sucesso

por em Maternidade e Bem-Estar 02/08/2022

Saiba como aliviar cólicas do bebé com algumas ferramentas que preparámos para si.

  • A barriguinha do seu bebé fica dura e a carinha avermelhada e com ar de sofrimento?
  • Fica horas a tentar adormecer o seu bebé, mas sem resultados?
  • Não consegue dormir nem de dia nem de noite, pois o choro não para?

Tudo indica que o seu bebé possa estar com cólicas. Mas não desespere! O mais provável é essas cólicas serem naturais e não estarem ligadas a nenhuma doença.

Os nossos filhos fazem-nos sentir extremamente realizados e abençoados, o que faz com que sejam o nosso melhor orgulho. Em bebés eles são fofinhos, têm um cheirinho fantástico, a pele aveludada e aqueles olhinhos doces que fazem qualquer um se derreter. Mas, por vezes, nem tudo corre como queríamos nos primeiros meses após o seu nascimento e, por isso, deixamos-lhe aqui algumas estratégias em como aliviar cólicas do bebé.

Como se explicam as cólicas do seu bebé:

O primeiro passo é perceber as razões pelas quais o seu filho chora tanto.

Sabia que as cólicas do bebé são contrações da musculatura abdominal? 

Os intestinos dos bebés latentes são muito sensíveis, não estão habituados a digerir o leite nem, muitas vezes, a libertar os gases. O bebé demora cerca de 3 meses a desenvolver o mecanismo da digestão, mas parece que esse tempo nunca mais passa! A boa notícia é que no 4° mês, a flora intestinal do seu bebé já está formada e, por isso, na maioria das vezes, o bebé deixa normalmente de ter as irritantes cólicas.

Acima de tudo, o seu bebé precisa de calma, uma boa massagem, colinho e muito carinho para com isso aliviar as suas cólicas.

Prevenir e aliviar cólicas do bebé – 9 dicas para ter sucesso

Apresentamos-lhe aqui algumas dicas preciosas que acreditamos que a possam ajudar nesta fase difícil:

1- Se amamenta o seu bebé, tenha uma alimentação completa e equilibrada

Sabia que há alimentos que provocam gases? Entre eles estáo a couve-flor, batata doce, brócolos, feijão. Assim, sempre que consumir estes alimentos, deve ficar atenta às reações do seu bebé, pois as cólicas podem ser causadas por essa situação.

Coma frutas, verduras, ovos, frango e peixe, mas, à medida que vai ingerindo estes alimentos, perceba se há algum que está a causar cólicas ao seu bebé. Assim, passará a evitá-los no seu dia a dia. Não existe uma fórmula única. Se tiver dúvidas, aconselhe-se com o seu médico.

2- Amamente o bebé num ambiente calmo e com pouca luminosidade

Escolha um local arejado, sem muito ruído e interrupções.

Se amamenta o seu bebé tensa ou estressada, ele sente e a amamentação pode não ser bem-sucedida. Esteja calma e relaxada, conecte-se com este momento tão especial que é só seu e do seu bebé.

Descanse o máximo possível entre cada mamada. A amamentação regular pode ser cansativa e, se estiver cansada, pode afetar a produção de leite. Portanto, não hesite em pedir ajuda.

3- Logo depois do seu bebé mamar, dê-lhe a oportunidade para arrotar

Ponha o bebé ao seu colo, na posição vertical e aguarde cerca de 10 minutos.

Evite mamadas muito próximas umas das outras. É importante dar tempo para que o seu leite suba e seja suficiente para o seu bebé, pois, caso isso não aconteça, ele pode engolir muito ar, o que agrava o problema das cólicas.

4- Assegure-se que o bebé tem o nariz desentupido, especialmente durante as mamadas.

Ajuste a boca do seu bebé ao mamilo ou à tetina durante as mamadas.

Com o nariz entupido, o bebé vai ter dificuldade em respirar pelo nariz, passando a respirar maioritariamente pela boca. Dado que a amamentação requer principalmente a respiração pelo nariz, o bebé tem dificuldade em sincronizar a respiração oral e a sucção, o que gera inquietação. O bebé vai chorar porque não consegue mamar.

Manter as narinas limpas e desobstruídas permite que o bebé chupe livremente. Se necessário, consulte o seu pediatra sobre a melhor forma de desobstruir as narinas do seu bebé, tornando a mamada mais confortável.

5- Sempre que o seu bebé tiver cólicas mantenha-se tranquila para o poder acalmar

Sabia que a sua ansiedade é sentida pelo bebé? Se estiver ansiosa ele reage com mais choro e dor,

A ansiedade materna na gravidez e nos primeiros cuidados com o bebê desencadeam comportamentos ansiosos ao bebé. Ele ainda está em desenvolvimento e precisa ter a mamã por perto, calma e relaxada, para que não se sinta desamparado.

6- Aqueça uma Almofada Terapêutica Cólicas dos Bebés e coloque por cima da barriguinha do seu bebé

Aqueça a almofada durante 1 minuto no micro-ondas e coloque-a sobre a barriguinha do seu bebé. Vai sentir um grande alívio! Mas não se esqueça de confirmar a temperatura no verso da sua mão para não queimar o seu filhote.

7- Acalme carinhosamente o seu bebé

O bebé agita-se e chora quando está com sono, frio, calor, fome, ou com a fralda suja, então o primeiro passo para o confortar é dar-lhe o que ele necessita.

No entanto, o bebé também precisa de amor, por isso chora quando quer atenção. Experimente abraçá-lo e dar-lhe carinho, embalando-o ao som de uma música suave.

8- Faça massagens circulares em sentido horário na barriguinha e à volta do umbigo

Um banho morno é uma ótima técnica para deixar o seu bebé calmo e tranquilo.

Logo depois do banho, sugerimos que aplique um óleo ou creme gordo e faça uma massagem suave na sua barriguinha, peito, braços, pernas, pés e costas. Enquanto massaja, aproveite para conversar com o seu bebé de forma meiga.

A massagem na barriga do seu bebé deve ser feita com a mão esquerda, sem a levantar, desenhando um círculo completo no sentido dos ponteiros do relógio à volta do umbigo.

9- Deite o seu bebé de costas e flexione as suas perninhas em direção à barriga, de modo a expulsar os gases acumulados

Segure as pernas do seu bebé pelos tornozelos e, com os joelhos dobrados, pressione-os suavemente contra a barriguinha. Mantenha esta posição durante cinco segundos. Estique as pernas e volte a repetir várias vezes.
Outro movimento que pode fazer é segurar os tornozelos do bebé e dobrar um joelho sobre a barriga e endireitar a perna, repita o movimento com a outra perna, como se estivesse a andar de bicicleta lenta e de forma ritmada. Repita várias vezes

Quando consultar um médico

Se com todos estas dicas as cólicas do seu bebé não passarem, é importante conversar com o pediatra.

Veja também o artigo do nosso blog

Como lidar com o seu bebé e com a ansiedade e depressão pós-parto – 7 dicas

Cuide de si e do seu bebé. Vocês merecem o melhor! ♥

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

    Olá
    Podemos ajudar?
    NBS
    Olá, Bem vindo(a),
    Podemos ajudar?